Qr Code do blog

Qr Code do blog
Qr Code do blog

Rss

Contacto

Blog Archive

Followers

Follow by Email

Add me on Facebook

NutriViva Tv



Total de visualizações de página

quarta-feira, 16 de janeiro de 2008

Consumo de fruta e vegetais mais elevados em classes sociais altas


Estudo da Universidade do Porto


O consumo diário de fruta e produtos hortícolas em Portugal é superior na população com um nível de escolaridade mais elevado e nas classes sociais mais altas, revela um estudo da Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto (FCNA).

O projecto europeu, denominado "Pro Children", teve início em 2003 e teve como objectivo avaliar o consumo de fruta e produtos hortícolas em crianças, dos 11 aos 13 anos, e seus pais. Além de Portugal, participam na pesquisa, que ainda não está totalmente concluída, Noruega, Dinamarca, Áustria, Islândia, Espanha, Holanda, Suécia e Bélgica.

As mães que participaram neste estudo consomem uma média diária de 221 gramas de fruta e 171 gramas de vegetais, quando a OMS recomenda o consumo de 400 ou mais gramas por dia destes alimentos. Das 1.853 mães que participaram neste estudo, a maioria afirma comer todos os dias fruta (73%) e produtos hortícolas (70%).

Para a nutricionista Bela Franchini, da FCNA, a sopa é a razão pela qual as mães portuguesas consomem uma quantidade razoável de frutas e vegetais.

Depois de analisado o consumo de fruta e vegetais junto dos pais, a Faculdade vai agora concluir o estudo relativamente às crianças, bem como cruzar dados, para perceber também o que determina a ingestão destes alimentos.

Fonte: Lusa
ALERT Life Sciences Computing, S.A.
22 de Outubro de 2007

0 comentários: