Qr Code do blog

Qr Code do blog
Qr Code do blog

Rss

Contacto

Blog Archive

Followers

Follow by Email

Add me on Facebook

NutriViva Tv



Total de visualizações de página

sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

Vilões da pressão alta se escondem nas prateleiras dos supermercados


04/10/2007 - 11h10

A Secretaria Estadual da Saúde faz um alerta: boa parte dos alimentos industrializados disponíveis nas prateleiras dos supermercados, incluindo doces e adoçantes dietéticos, pode ser prejudicial ao coração, principalmente para pessoas com hipertensão arterial.

Diferentemente do que se imagina, não é o sal propriamente, e sim o sódio, o grande vilão da pressão alta. E essa substância está presente em outros compostos, como estabilizantes, conservantes e flavorizantes. Uma famosa marca de adoçante nacional, por exemplo, não traz no rótulo a quantidade que possui de sódio. Mas sua composição básica é sacarina sódica e ciclamato de sódio.

Olho no rótulo
Mesmo quando o rótulo do alimento não traz, na tabela nutricional, a quantia de sódio, é recomendável que pacientes hipertensos verifiquem, no rótulo, se há presença de ingredientes como glutamato monossódico, benzoato, cozeinato, citrato, nitrito, sosfato, propionato, sacarina, ciclamato, guanilato, alginato e sulfito.

“Os alimentos com maior teor de sódio são os produtos industrializados, como enlatados, temperos prontos e salgadinhos. Mas até os doces, adoçantes e refrigerantes podem conter esses compostos, que se consumidos em grandes quantidades, podem colaborar para o aumento da pressão alta”, afirma Cristiane Kovacs, coordenadora da Seção de Nutrição Clínica do hospital estadual Dante Pazzanese.

Especializado em cardiologia, o Dante desenvolve um trabalho junto aos pacientes em tratamento da hipertensão que os auxilia a interpretar corretamente os rótulos dos alimentos e, conseqüentemente, identificar o que lhes pode fazer mal.

Além dos produtos industrializados, o sódio também está presente em outros alimentos, como a carne e o leite. Em casos de hipertensão severa, em que apenas o uso dos medicamentos não assegura a estabilidade da pressão arterial, o monitoramento do consumo de sódio é essencial.

Hipertensão
A hipertensão é uma doença grave que atinge cerca de 35% da população brasileira acima de 40 anos. “O sódio é indispensável para a saúde, mas quando usado em exagero se torna um ‘veneno’”, afirma Cristiane Kovacs.

Por dia, o consumo ideal recomendado por especialistas é de 2,4 gramas de sódio, equivalente a 6 gramas de sal de cozinha. Mas deve-se levar em conta também o sódio contido em alimentos naturais. O paciente hipertenso deve restringir para 4 gramas de sal por dia ou 1,6 gramas de sódio diários.

(Envolverde/Sec de Saúde do Estado de São Paulo)

0 comentários: