Qr Code do blog

Qr Code do blog
Qr Code do blog

Rss

Contacto

Blog Archive

Followers

Follow by Email

Add me on Facebook

NutriViva Tv



Total de visualizações de página

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2007

A carne e o planeta

Quando pensamos sobre o crescimento da população humana ao longo do último século, é muito fácil imaginar como um mero aumento do número de seres humanos. Mas ao passo que nos multiplicamos, todas as coisas associadas a nós também se multiplicam, incluindo os animais. No presente, existem cerca de 1,5 biliões de búfalos de gado ou domésticos e 1,7 biliões de carneiros e cabras. Junto com os porcos e aves, formam uma parte importante de nossa enorme pegada biológica neste planeta.
Tal enormidade não estava realmente aparente até a publicação de um novo relatório, chamado "Livestock's Long Shadow", pela Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação.

Considere estes números. A criação de gado em pastos e a produção de alimentos usam "30% da superfície terrestre do planeta". O gado - que consome mais comida do que produz - também compete por água diretamente com os seres humanos. E a expansão de pastos destrói terrenos mais sensíveis biologicamente, especialmente florestas, do que qualquer outra coisa.

Porém o mais surpreendente e alarmante é o fato do gado ser responsável por cerca de 18% do aquecimento global, mais do que a contribuição dos transportes. Os culpados são o metano - resultado natural da digestão bovina - e o nitrogénio emitido pelo esterco. O desmatamento de terras de pasto contribui para o efeito.

Não existem concessões fáceis quando o assunto é aquecimento global - como diminuir o número de animais para dar espaço aos carros. A paixão humana pela carne não irá acabar tão cedo. Como deixa claro "Livestock's Long Shadow", nossa saúde e a saúde do planeta dependem da produção de gado com direcionamento mais sustentável.

Fonte:http://protecao.zip.net/index.html

0 comentários: