Qr Code do blog

Qr Code do blog
Qr Code do blog

Rss

Contacto

Blog Archive

Followers

Follow by Email

Add me on Facebook

NutriViva Tv



Total de visualizações de página

quarta-feira, 28 de novembro de 2007

Leite de vaca x leite de cabra


O alimento ideal para o bebê até os 6 meses de idade é o leite materno. O mesmo protege a criança contra infecções e tem uma composição ideal para seu pleno crescimento e desenvolvimento. Quando a mãe está impossibilitada de amamentar exclusivamente até o final do primeiro semestre de vida leites maternizados podem complementar a dieta do recém nascido.
É comum também que as mães questionem sobre a diferença entre os leites de vaca e do leite de cabra. Uma pesquisa do departamento de fisiologia da Universidade de Granada (Universidad de Granada - http://www.ugr.es/) revelou que o leite de cabra tem mais propriedades benéficas do que o leite de vaca. É comum que crianças aleitadas com o leite de vaca desenvolvam anemia ferropriva.
Nesta pesquisa o Dr. Javier Díaz Castro e os professores Margarita Sánchez Campos, Mª Inmaculada López Aliaga and Mª José Muñoz Alférez, focaram na comparação entre os dois leites com conteúdo normal de cálcio e também naqueles enriquecidos com o mineral. A biodisponibilidade de ferro, cálcio, fósforo e magnésio foram avaliados através de técnicas de balanço metabólico em camundongos. Para saber se a utilização dos minerais afetava a distribuição e destinação metabolica, os pesquisadores determinaram as concentrações dos mesmos em diferentes órgãos e no sangue. Isto não foi observado nos bebês que receberam o leite de cabra.
Os resultados obtidos revelaram que a anemia ferropriva e a desmineralização óssea foram melhor recuperada nos animais que receberam o leite de cabra. Estes dados servirão de base para outros estudos sobre o benefício do leite em populações afetadas pela anemia ferropriva e doenças relacionadas a desmineralização óssea. Os resultados parciais deste estudo foram publicados no International Dairy Journal e no Journal Dairy Science.

0 comentários: