Qr Code do blog

Qr Code do blog
Qr Code do blog

Rss

Contacto

Blog Archive

Followers

Follow by Email

Add me on Facebook

NutriViva Tv



Total de visualizações de página

terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

Escolas britânicas ensinarão culinária contra obesidade

Alimentos
Os ingredientes para crianças carentes serão subsidiados
Aulas de culinária passarão a ser compulsórias nas escolas secundárias da Inglaterra para crianças entre 11 e 14 anos.

Os alunos aprenderão a cozinhar durante uma hora por semana. A disciplina será obrigatória em todas as escolas da rede pública em pelo menos um trimestre do ano letivo. Os ingredientes para crianças carentes serão subsidiados.

A iniciativa é parte de uma estratégia governamental para combater a obesidade. Especialistas acreditam que um milhão de crianças serão obesas dentro de uma década.

"Eu acho que é importante agir agora. Talvez nós deveríamos ter agido antes", disse o secretário para Escolas, Ed Balls.

"Não será apenas tecnologia de alimentos, será ensinar a usar ingredientes simples, receitas simples, para que crianças e jovens possam ser preparados para a vida adulta."

O Departamento para Crianças, Escolas e Famílias diz que cerca de 85% das escolas secundárias oferecem culinária de alguma forma.

As autoridades querem que estas escolas iniciem os cursos imediatamente e o restante dos estabelecimentos de ensino façam o mesmo até 2011.

Recursos

O objetivo é treinar assistentes de ensino para níveis mais altos para que eles possam treinar e recrutar mais professores de tecnologia dos alimentos.

Balls quer que 800 professores de culinária sejam treinados. O secretário prometeu dar às escolas o equivalente a cerca de US$ 5 milhões por ano para ajudar crianças de famílias carentes a pagarem por ingredientes.

Mas críticos expressaram preocupação com a implementação prática da proposta.

Clarissa Williams, da Associação Nacional de Diretores de Escolas, disse que o treinamento de professores de tecnologia dos alimentos foi negligenciado por tanto tempo que seria difícil colocar a estratégia em prática.

Em entrevista ao programa Today, da Radio 4, da BBC, Williams disse que está preocupada em saber como as escolas obterão os recursos necessários.

"Fogões, microondas, todos os utensílios, tudo custa muito dinheiro. Há ainda a expectativa de que crianças trarão os ingredientes e para alguns (...) isto pode ser difícil."

0 comentários: